Caríssimos,

Trago uma boa notícia aos moradores do bairro Mossungue. Há alguns dias recebi um abaixo assinado de oradores do bairro por conta de uma mudança de linha de ônibus, a linha Paulo Gorski/Alto da XV passou a ser linha Jardim Esplanada/ Paulo Gorski, com outro itinerário, o que prejudicou moradores de algumas ruas, nas quais a linha não passa mais, portanto, eles agora têm que pagar duas passagens, para poder se locomover pela cidade.

Marquei uma reunião com a URBS e fui muito bem atendido pelo Diretor Aldemar Neto e Coordenador Ismael França, mostrei a reivindicação dos moradores e após análise e explicação detalhada, a URBS mostrou estudo que justifica a mudança da linha, que se faz necessária por conta do número de usuários da antiga linha Paulo Gorski/Alto da XV que era muito baixo, a solução foi substituí-la pela linha Jardim Esplanada/ Paulo Gorski que serve mais pessoas.

Visando solucionar o problema dos moradores que me procuraram, questionei uma possível solução. A URBS deu a seguinte sugestão: uma integração temporal, isto é, o usuário pode trocar de linha de ônibus ou de estação tubo sem precisar pagar nova tarifa. Logo, os moradores que se sentem prejudicados por ter que pagar mais de uma passagem para chegar em casa, não terão mais esse problema.

Para entender melhor sobre a integração temporal, trago uma breve explicação encontrada no site da URBS:

Integração Temporal com Linhas de Ônibus
Para o usuário ter direito à integração temporal, o mesmo deve utilizar o cartão-transporte da URBS em um dos validadores do Sistema de Transporte Coletivo de Curitiba (Ônibus, Terminal, Estação-Tubo), realizando assim um debito de passagem do seu Cartão Transporte e conforme as regras abaixo.
OBS.: apenas os cartões-transporte nas modalidades Usuário e Estudante realizam integração temporal. Com o cartão-transporte Avulso não há a possibilidade de uso do benefício da integração temporal.

Linha convencional 779-VILA VELHA/BURITI X Estação-tubo Santa Quitéria
Os passageiros da linha 779-VILA VELHA/BURITI desembarcam no ponto de ônibus na via pública e podem passar o cartão-transporte na catraca da Estação Tubo Santa Quitéria sem pagar uma nova tarifa. Uma vez no interior da estação tubo, ele terá acesso a toda a RIT. Nesta estação passam as linhas diretas 022-INTER 2 (HORÁRIO), 023-INTER 2 (ANTI-HORÁRIO) e 702-CAIUÁ/CACHOEIRA.
Tempo permitido para a integração: 2 (duas) horas

Estações da Linha Verde – Linha 550-LIGEIRÃO PINHEIRINHO/C. GOMES
Permite que o passageiro possa mudar o sentido do trajeto e, a partir dali, fazer novas integrações por meio do Terminal Pinheirinho. É possível fazer a integração em todas as estações: São Pedro, Xaxim, Santa Bernadethe, Fanny e Marechal Floriano. O passageiro precisa passar o cartão-transporte no validador situado no interior da estação no momento em que desembarca do ônibus, para depois embarcar na estação de sentido oposto.
Tempo permitido para a integração: 5 (cinco) minutos

Linha alimentadora 917-JD. IPÊ X Linha convencional 168-RAPOSO TAVARES
Ao passar o cartão-transporte na catraca da linha 168-RAPOSO TAVARES, desembarcando no ponto de parada próximo à rotatória no cruzamento da Rua Justo Manfron com a Av. Dr. Eugênio Bertolli, os usuários podem embarcar na linha 917-JD. IPÊ, no ponto final, sem descontar nova tarifa. Vindo de outras linhas até o Terminal Santa Felicidade, os usuários realizam a integração temporal passando o cartão-transporte no validador instalado próximo ao ponto da linha 917-JD. IPÊ no terminal, para utilizar a linha 168-RAPOSO TAVARES sem descontar nova tarifa.
Tempo permitido para a integração: 2 (duas) horas

Fonte: https://www.urbs.curitiba.pr.gov.br/transporte/rede-integrada-de-transporte/50

A integração temporal para a linha Jardim Esplanada/ Paulo Gorski de ônibus se dará nos pŕoximos dias. Esse é um dos exemplos dados por essa gestão, que abre diálogo com a comunidade, ouve as reivindicações e se preocupa com o bem estar dos cidadãos.

COMPARTILHAR